Agostinho da Silva - Um Perfil Filosófico
João Maria de Freitas Branco

Ventos da Lusophia
15 x 24 - 118 pp
 

P.V.P.:

10

Regressar à página inicial

«Do que escreveu e disse pode então concluir-se que o autor [Agostinho da Silva] não se considerava filósofo. Vem assim, ele próprio, beliscar a serena consensualidade reinante em torno da caracterização do seu perfil intelectual ou profissional.»

João Maria de Freitas Branco

 

«[...] existe, para quem se não sente com preparação e força para a filosofia, [...] um género humilde, de simples comentário, de nota à margem, um género despreocupado e de parca exigência em matéria de saber e de pensar: o considerativo, aqui presente.»

Agostinho da Silva

«Com este livro, o Prof. João Maria de Freitas Branco convida-nos a uma viagem aliciante e, para alguns, surpreendente.

Com a sua sólida formação filosófica e científica, leva-nos ao encontro de um homem livre (...) que não aceita nenhuma forma de dogmatismo, recusando os pensamentos feitos e os juízos definitivos, com uma preocupação constante pelo futuro do mundo.

Um homem que incitava ao pensamento sem quaisquer constrangimentos, para que cada um posa ser aquilo que realmente é; um homem aberto a todas as propostas, contraditório, cultivador do paradoxal.

Um homem apaixonado pela vida, pela companhia e pela conversa, sempre com um humor certeiro e provocante e uma alegria contagiante.

Um homem a quem nega o atributo de filósofo, sem negar o seu profundo conhecimento da filosofia que, aliás, enche todo o seu pensamento; a quem considera fundamentalmente um político, preocupado com a organização do mundo (...)»

Manuel Pina
in
Prefácio

 

Consultar Índice