O Caminho da Afirmação
- O Caminho da Renúncia
José Flórido

Ventos da Lusophia
10,5 x 16 - 54 pp
 

P.V.P.:

7,50 €

Regressar à página inicial

«Agostinho da Silva tem sido para nós um símbolo, um ponto de referência...

E pergunto, às vezes, a mim próprio, reflectindo na sua vida e no seu exemplo, se Agostinho teria percorrido o Caminho da Afirmação ou o Caminho da Renúncia.

É que, se por um lado, perante o fulgor dos seus graus académicos e da cultura imensa que nos revelou e comunicou, não podemos duvidar da sua atitude de Afirmação, por outro, perante a sua perturbante simplicidade, o apagamento, o desinteresse pelas homenagens, honrarias e, enfim, por tudo quanto fosse glorificação e culto da personalidade, ficamos convictos que optou pelo Caminho da Renúncia.

Mas também neste aspecto, Agostinho nos deu uma lição magistral de como tudo, na vida, deve estar ligado; de como, em tudo, é preciso – segundo a subtileza da sua expressão – "pôr e em vez de ou". E, por isso mesmo, sou levado a reconhecer que, se Agostinho foi o homem da Afirmação, foi também o homem da Renúncia, fazendo destes dois caminhos, aparentemente opostos, um e o mesmo caminho

José Flórido

 

 


 

 

 

Consultar Índice