SÓ AS EMOÇÕES...
Mário Contumélias


Ventos de Poesia
14 x 23 cm - 236 págs
 
Excerto

P.V.P.:

7,50

Regressar à página inicial

ANTOLOGIA – 25 ANOS DE POEMAS

 

Só as Emoções reúne cerca de 180 poemas de Mário Contumélias, escritos durante os últimos 25 anos. Desses, 130 resultam de uma recolha, feita pelo próprio autor, nos cinco livros que publicou ao longo desse período. Os restantes são inéditos.

Trata-se de uma antologia feita com base na afectividade – o autor escolheu os poemas com os quais se sente mais ligado emocionalmente; foi esse o seu único critério. O resultado é um livro denso, marcado pelo lirismo, pelo encantamento, pelo amor, pela capacidade de rir acerca de si próprio, como pelas dores de olhar à volta e ver o sofrimento. Tudo isto recorrendo a uma escrita simples, tocante, directa, por vezes desconcertante até.

 

 

Mário Contumélias nasceu em Setúbal. É hoje, profissionalmente, etno-sociólogo, especializado em Sociologia da Comunicação. Dá aulas na Universidade, em disciplinas da sua área de formação académica – é docente do Instituto Superior de Psicologia Aplicada (ISPA). Como cientista-social tem em fase de conclusão o seu Doutoramento, no ISCTE. Nesta área, fez diversas comunicações e tem publicados vários artigos científicos. É colunista do Jornal de Notícias, onde dá corpo a uma opinião empenhada nas questões da cidadania e da mudança social. Como autor, foi finalista de nove festivais RTP da canção, de um festival da OTI e vencedor de um Festival Nova Gente da Canção, além de responsável pelos poemas de dezenas de canções, gravados por alguns dos mais populares cantores da época. Afastou-se do universo musical para se dedicar à escrita literária. Não sem antes ter sido autor de muitas canções destinadas ao público infantil, a mais conhecida das quais é, precisamente, O Areias é um camelo. Tem já 20 livros publicados, dez para o público infanto-juvenil; cinco de poesia, um de entrevistas, uma brochura evocativa do "25 de Abril", e três romances. Está representado em várias antologias e em selectas literárias do ensino. Foi jornalista em jornais como O Século, Diário de Notícias e Correio da Manhã, entre outros. Trabalhou também na Agência Noticiosa Portuguesa – ANOP e em publicações como Musicalíssimo e Cinéfilo. Passou pelo mundo da Rádio, concretamente pela Rádio Universidade, Rádio Comercial e Antena 1. Publicou recentemente na Zéfiro A Verdadeira História de... O Areias.