Zéfiro | Deuses e Rituais Iniciáticos da Antiga Lusitânia
Utilizamos cookies para dar uma melhor experiência e eficiência de navegação. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.
Entendi
Por favor aguarde
Deuses e Rituais Iniciáticos da Antiga Lusitânia

15.21 € 16.90 €

  • ISBN: 9789728958756
  • Categoria: Triskel
  • Stock: Disponível
  • Editora: Zéfiro


Sobre o Livro

ESTA OBRA REVELA-NOS AS PRÁTICAS MÁGICAS E SECRETAS SEGUIDAS PELOS NOSSOS ANTEPASSADOS LUSITANOS

À luz de rigorosos postulados iniciáticos, o autor traz-nos os frutos filosóficos de longos retiros nos lugares sagrados da Antiga Lusitânia.

Desde os sepultamentos místicos em tumbas de pedra, cultuando Arvs e Serápis, até ao recolhimento transfiguratório no cume de fragas em devoção a Endovélico, desde os ritos mistéricos das colheitas, sob a tutela de Ataecina, ao culto à Serpente de raízes neolíticas, o leitor encontrará neste livro algo que lhe dará motivos para se sentir orgulhoso de, como português, ser herdeiro de uma Antiga Memória cujas raízes se estendem no fundo remoto da nossa Lusitanidade e da nossa Tradição.


Biografia

Gilberto de Lascariz nasceu em Caracas, Venezuela, vindo desde muito cedo a viver em Portugal. Formou-se em Direito, na Faculdade de Direito de Lisboa, ao mesmo tempo que seguia Língua e Cultura Sânscrita na Universidade Nova de Lisboa.

Desde muito cedo esteve envolvido em várias sociedades esotéricas de carácter rosacruciano e maçónico, tendo tomado votos na Tradição Nyngma-Pa do Budismo Tibetano.

A sua envolvência com o Wicca Tradicional a partir de 1982, associado ao seu envolvimento com a Antroposofia, despertou-o para a necessidade de desenvolver métodos meditativos e rituais que permitissem uma abordagem esotérica da Bruxaria Iniciática e Neo-Pagã em antítese à sua superficialização New Age.

Em 1989 criou em Portugal o Coventículo TerraSerpente e lançou a Confraria Sol-Negro, uma organização artística dedicada à renovação estética das artes sob o ponto de vista do esoterismo neo-pagão, na sua acepção evoliana.

É Magister Maximus da Irmandade da Serpente da Alba e tem o Grau 33º, 66º, 90º, 95º, 97º, sendo Deputado Grão-Mestre Internacional do Rito Antigo e Primitivo de Memphis-Misraïm do Santuário Soberano Hermético da Lusitânia e do Soberano Santuário do Brasil do Rite Ancien et Primitif de Memphis-Misraïm; Superior Desconhecido da Ordre Martiniste Operant (via Ambelain e Mauer), assim como Reau-Croix da Ordre des Chevaliers Élus Coëns de l’Univers; Cavaleiro Benfeitor da Cidade Santa do Grand Prieuré Indépendant et Souverain; Bispo da Ecclesia Gnóstica Apostólica e da Ecclesia Gnóstica Joanita; Baille-Ge da Tradição Franco-Haitiana da Cobra Negra e Iniciado da Cobra Vermelha (Bertiaux-Duez-Pedutti); Grau XVI da OTO-FH e High Priest Grau XVI do Club Chorozon (Bertiaux-Duez-Pedutti), além de Mestre da Fraternité Thérapeutique et Magique de la Myriam (via Linhagem Henadel, Giudicelli); Graus IXº e XIº do antigo Santuário Brasileiro da Ordo Templis Orientis (Tradição Merlin IXº e XIIº, etc.).

As suas palestras nas “Conferências do Inferno”, realizadas nos anos 80/90 no Porto, alertaram-no para a necessidade de registar em livro o seu pensamento esotérico e neo-pagão. Publicou os livros Mãe Canibal, O Culto da Bruxaria no Artista e Escritor Austin Osman Spare, O Verbo do Arcano Luciferino em Fernando Pessoa, e traduziu e prefaciou o livro de Ronald Huton, Os Xamãs da Sibéria. Em 1999 criou o Projecto Karnayna, uma organização que visava fornecer instrução esotérica na perspectiva do Neo-Paganismo sendo o primeiro autor a fazer workshops de Wicca em Portugal, tal como era praticado por Janet Farrar e Vivianne Crowley.

O magazine francês de cultura gótica Elegy Ibérica considerou-o em 2006 como sendo a figura mais importante do pensamento esotérico neo-pagão em Portugal.

Na Zéfiro, publicou as obras Ritos e Mistérios Secretos do Wicca, Deuses e Rituais Iniciáticos da Antiga Lusitânia, Quando o Xamã Voava, Dançando com a Morte e O Dragão e o Graal. É também autor do posfácio de O Chamado dos Velhos Deuses, de Nigel Jackson, e faz parte da direcção editorial de Mandrágora – O Almanaque Pagão, tendo coordenado a edição de 2009 – sob o tema “Usos e Costumes Mágicos da Lusitânia” – e de 2014 – “O Caminho Mágico do Wicca”.


Detalhes

Título: Deuses e Rituais Iniciáticos da Antiga Lusitânia
Autor: Gilberto de Lascariz
Editora: Zéfiro
Colecção: Triskel
Nº de Páginas: 168
Língua: Português
ISBN: 9789728958756
Ano de Edição: 2015
Encadernação: Capa Mole
Dimensões: 16 x 23 x 0,9 cm
Peso: 278 g

Categorias:

Esoterismo
Esoterismo > Paganismo
Esoterismo > Paganismo > Celtismo
Esoterismo > Tradições Ocidentais
Esoterismo > Tradições Ocidentais > Portugalidade Mística
Esoterismo > Ocultismo
Esoterismo > Ocultismo > Magia
Espiritualidade
Espiritualidade > Religião
Espiritualidade > Religião > Paganismo
• Os nossos Autores > Zéfiro > Gilberto de Lascariz
• As nossas Colecções > Zéfiro > Triskel


Opinião dos Leitores