Zéfiro | Raymundo D’Elia Jr.
Utilizamos cookies para dar uma melhor experiência e eficiência de navegação. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.
Entendi
Por favor aguarde

Raymundo D’Elia Jr.

Raymundo D´Elia Junior, natural de São Paulo/SP, nasceu em 1947, é casado, pai de um casal de filhos, engenheiro eletricista-eletrônico e administrador de empresas.

Foi Iniciado, Elevado e Exaltado, entre 1985 e 1988, na ARLS Matheus Constantino – nº 2073, no Or.'. de São Caetano do Sul, e Mestre Instalado de 1997 a 1999, sendo reeleito de 1999 a 2001, na ARLS Reais Construtores, nº 2705, no Or.'. de São Paulo. São mais de 20 anos de dedicação e trabalho ininterruptos à Sublime Instituição, o que lhe valeu a “Medalha Gonçalves Ledo”, em 2006, a mais destacada láurea concedida pelo GOSP, por meio do Ato nº 803.

No Simbolismo: Ao longo desses anos, filiou-se a muitas Oficinas, e em Loja Simbólica exerceu todos os Cargos eletivos e/ou nomeados, cabendo, por exemplo, destacar que ocupou o Cargo de Orador na ARLS Cavaleiros da Amizade, nº 2459, por cerca de cinco anos.

Foi eleito Deputado Estadual da PAEL, pela ARLS Cavaleiros da Amizade, nº 2459 em 1995, sendo nesse mesmo ano convidado pelo GOSP a ocupar o cargo de Grande Secretário Adjunto de Patrimônio e, em 2004, ao cargo de Grande Secretário Adjunto de Ritualística para o Rito Adonhiramita, que, entre diversas atividades, orientou e coordenou vários Seminários sobre o Rito por todo o Estado de São Paulo.

Fundador de diversas Lojas, entre elas a de nº 3381 – Fioravante Delicatto, no Or.'. de São Carlos/SP. Coordenador e integrante de várias Comissões de Regularização de Loja, Sagração de Templo e Instalação de VVen.'. Mmest.'.

No Filosofismo: Nos Altos Graus, com o Rito sendo regido pelo “Excelso Conselho da Maçonaria Adonhiramita (ECMA)”, foi exaltado Patriarca Inspetor Geral – Gr.'. 33, em 2002, depois de Iniciado no Filosofismo em 1990, na Loj.'. de Perf.'. Lúcio Mendes no Or.'. de São Caetano do Sul.

De modo análogo, em todo esse período, buscou auxiliar seus pares ocupando quase todos os Cargos das Oficinas Filosóficas, podendo destacar os de VVig.'. e Or.'. na Loj.'. de Perf.'. Templário da Luz (Ggr.'. 4 – 14), de VVig.'., Or.'. e Sap.'. Mest.'. no Subl.'. Cap.'. de Cav.'. Rosacruz (GGr.'. 15 – 18), VVig.'. e Or.'. no Gr.'. e Subl.'. Cap.'. de CCav.'. NNoaq.'. (GGr.'. 19 – 21), VVig.'. e Gr.'. Ven.'. Mest.'. no Il.'. Cons.'. Fil.'. de CCav.'. Kadosh (GGr.'. 22 – 30), VVig.'. no Insig.'. Sodal.'. dos SSubl.'. IInic.'. e Ggr.'. PPrecep.'. (Gr.'. 31), VVig.'. e Perfeitíss.'. Pres.'. na Il.'. Prelaz.'. e Ouvid.'. Ger.'. (Gr.'. 32).