Zéfiro | Nuno Nazareth Fernandes
Utilizamos cookies para dar uma melhor experiência e eficiência de navegação. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.
Entendi
Por favor aguarde

Nuno Nazareth Fernandes

Nuno Nazareth Fernandes nasceu em Lisboa a 24 de Junho de 1942. É licenciado em Engenharia Mecânica (Aeronáutica) pelo Instituto Superior Técnico.

Compositor, letrista, cartoonista, fotógrafo, poeta e guionista, é sobretudo conhecido pelas suas participações nos Festivais RTP da Canção que venceu por três vezes, com O Vento Mudou, Desfolhada e Menina, pelos sketches de Eu Show Nico e EuroNico e como autor de texto e música de inúmeras Revistas, num percurso de mais de quatro décadas entre os mundos do Disco, da Rádio, da Televisão e do Teatro. Em todos esses campos trabalhou com os mais variados autores e poetas, sobretudo com José Carlos Ary dos Santos com o qual escreveu, entre muitas, uma das mais belas canções da música portuguesa: Canção de Madrugar.

Cumpriu Serviço Militar, como oficial do Serviço de Material, primeiro na Fábrica Militar de Braço de Prata, e, depois, no Comando Territorial da Guiné, hoje República da Guiné‑Bissau.

Fez parte da Direcção e Administração da Sociedade Portuguesa de Autores ao longo de sete anos.
Considera-se um “Estudioso compulsivo” de História, principalmente no que diz respeito à de Portugal e da Ordem do Templo.

Enviuvou por duas vezes, tem três filhos e um neto. Vive em Lisboa.

Chamam ao Telefone o Senhor Doutor Afonso Henriques, não sendo o seu primeiro livro, é, contudo, o seu primeiro romance.